terça-feira, outubro 21, 2008

Tema da Semana Jornal "Comercio...." - Ajude-nos a ensinar à Câmara/Assembleia/Grupo Municipal da CDU como podia gastar melhor o nosso dinheiro?

Facto I: O PSD/PS/B.E. requereram uma Assembleia Municipal extraordinária para se aferir da responsabilidade da Câmara Municipal sobre um atraso a uma candidatura ao QREN.
Facto II: Os membros do Grupo Municipal da CDU, não só não exerceram as competências para as quais foram eleitos, ou seja, fiscalizar o trabalho da Câmara Municipal, como ainda produziram uma moção a auto-elogiar o trabalho da sua cor política.
Facto III: Não contentes, ainda aprovaram que esse auto-elogio fosse publicado em vários jornais locais e nacionais.
Facto IV: Questionado em plena Assembleia Municipal por mim próprio, em nome do PSD, sobre o valor e onde tinham sido publicadas essas Moções o Sr. Presidente da Câmara respondeu que o seu custo estava englobado nos diversos contratos que a Câmara celebra anualmente com os vários jornais, para publicidade institucional e/ou obrigatória.
Facto V: Respondendo em tempo relativamente útil e, de forma precisa e concisa (o que saúdo e agradeço) o Sr. Presidente da Assembleia Municipal veio informar os restantes membros eleitos pela Assembleia Municipal dos valores e locais de publicação, incluindo uma digitalização das respectivas publicações.
Facto VI: Fiquei sem perceber se o Sr. Presidente da Câmara quando me respondeu sabia desta situação e mesmo assim deu-me aquela resposta, ou se não sabia e foi desmentido pelos factos. Ou estes valores são os tais que já estão englobados nos contratos anuais da autarquia com os jornais?
Facto VII: Se foi uma deliberação da Assembleia Municipal, de que rubrica orçamental saíram estes valores (questão colocada no nosso requerimento e ainda não respondida), sabendo-se que a Assembleia Municipal não tem um orçamento autónomo?
Facto VIII: No total, saíram dos cofres da autarquia 4.646,24 € (quatro mil, seiscentos e quarenta e seis euros) com uma informação que sinceramente não informa a população, para além do elogio à grande capacidade deste executivo...mesmo tendo em conta que o que se estava a tratar era exactamente a incapacidade do executivo ter assegurado a viabilidade de uma candidatura por dois minutos.
Facto IX: Como todos já percebemos por este pequeno exemplo como a Câmara Municipal e os eleitos da CDU na Assembleia Municipal querem aplicar o nosso dinheiro, deitando-o à rua de uma forma displicente, convido os amigos leitores deste blogue e do jornal "Comércio do Seixal e Sesimbra" a sugerirem a estes senhores onde gostariam de ter visto serem aplicados os 4.646,24 € (quatro mil, seiscentos e quarenta e seis euros).
Facto X: Estou certo que com as vossas sugestões,esse dinheiro, seria muito melhor aplicado.

Nota: Os vossos comentários recebidos até quinta-feira, à hora do almoço, poderão ser publicados no jornal, podendo também comentar no Blogue "Rumo a Bombordo" (Aqui) do Vereador Samuel Cruz.

15 comentários:

Ponto Verde disse...

Gostaria de saber quanto custou á Câmara Municipal do Seixal o encarte hoje do jornal Público e inserido na promoção do Salão Imobiliário de Lisboa.

A Câmara do Seixa é a única de todas as autarquias do país , e já pelo segundo ano consecutivo a inserir um encarte daquele tipo a promover projectos imobiliários privados a em projecto para o Concelho.

O encarte serve também, e como não podia deixar de ser, para promover em "entrevista" o Presidente de Câmara e apresentar como "investimento próprio" investimentos quer do governo, quer investimentos ao abrigo de fundos europeus.

O verdadeiro jornalismo, é sabido que bateu no fundo, a politica autárquica, pelos vistos , também.

Anónimo disse...

Dr Paulo Cunha ,

Quando recebe a sua senha de presença pelas reuniões na Assembleia Municipal ( no valor aproximado de 60 euros) essa verba sai de que rubrica da C.M.S ?

Se as despesas da assembleia municipal não estão orçamentadas então temos um sério problema.

Anónimo disse...

Dr paulo queria fazer-lhe uma pergunta. quando foi director do centro de emprego no seixal tinha um orçamento nao tinha? as despesas que efectuou eram de acordo com o orçamento nao eram? todos esperamos que sim porque essas despesas sao publicas .

Bruno Ribeiro Barata disse...

De acordo com o já proposto pelo Partido Socialista e chumbado pelo Partido Comunista, aplicava esse dinheiro utilizado em propaganda, para uma campanha de recenseamento.

Bruno Ribeiro Barata

António Morgado disse...

Já agora uma pertinente questão á equipa do comércio do seixal, se são pluralistas e isentos, porque razão tem vários opinadores do Partido Socialista a escrever em cada número do jornal? Não chegava um... Porque razão dão destaque aos blogs do Paulo Cunha e do Samuel e não tem identica prática com alguém do PCP? Porque razão nas Assembleias Municipais só dão destaque às intervenções do PS e do PSD, omitindo as intervenções das outras forças politicas? É que não basta dizerem que são isentos e pluralistas, é preciso demonstrá-lo, e na prática, infelizmente, o comércio do seixal não tem demonstrado ser pluralista...

Anónimo disse...

A verdade está de regresso à blogosfera:
http://www.seixalsim.blogspot.com/

Anónimo disse...

O Comércio do Seixal e Sesimbra entende que, quando as empresas competem directamente, ou indirectamente, como é este o caso, acabam sempre por sofrer em quota de mercado, crescimento, lucros e acima de tudo, confiança de investidores e consumidores. Assim, e com este "post", daremos o assunto por encerrado.

No entanto, como todo o mundo já se apercebeu, tenha o Comércio do Seixal e Sesimbra (e só este jornal !!! ???), razão ou não, por muito isento e pluralista que tente ser, os anónimos, independentemente do partido pelo qual tenham apreço, esses, terão sempre a vantagem de levantar dúvidas sempre que quiserem e quando tal lhes der jeito. E a dúvida tantas vezes dita poderá tornar-se em facto, e daí à verdade é só mais um passo. E continuam a esconder-se atrás do anonimato.

Connosco não é o caso. Optámos por, enquanto jornal, por uma metodologia e estratégia "low profile", deixando toda a política para os políticos. Para tal foram criados os sectores de opinião, onde mais uma vez, e esperamos que entendam o que digo sem meias palavras, Todos os Partidos Políticos Foram Convidados. Repito,... Todos!! Os que aceitaram aqui estão a escrever. Os que não aceitaram, não estão. Simples.

Temos o PCP, PS, PSD, BE, CDS-PP, e estamos a desenvolver contactos para que os Verdes também estejam aqui representados.

A ideia central é a de que dando espaço de escrita a políticos de vários quadrantes do concelho do Seixal e Sesimbra no mesmo órgão de informação, aumentaríamos a qualidade do serviço prestado, efectuando do mesmo modo uma sensibilização para os problemas/soluções do(s) concelho(s) junto dos leitores.

Quanto aos preços da publicidade. Sinceramente acho que não vamos ensinar ninguém, mas adianto, que como empresa, no desenvolvimento e execução de estratégia no sector de comercial (publicidade), actuamos com oportunismo, atenção para com o cliente e preços suficientemente competitivos.

Assim, convido-vos (anónimos e não anónimos) a que, caso existam dúvidas sobre qualquer assunto que eventualmente não tenha sido convenientemente tratado neste nosso/vosso jornal a dirigirem-se à nossa sede e todas as questões ser-vos-ão respondidas pessoalmente.

Uma última nota, para responder a uma dúvida várias vezes colocada, que diz respeito à opção editorial de colocarmos dois Blogs e precisamente aqueles dois. Trata-se, como todos já perceberam, de uma aposta editorial ganha pois refere-se aos dois primeiros blogs e que do nosso conhecimento, únicos, de figuras eleitas, as quais se sujeitam a sufragar o seu trabalho, quer nos próprios blogs, quer ainda no jornal, sendo que ambos para além do mais, são nosso colaboradores desde a primeira hora do nascimento do jornal, limitando-se a substituir as crónicas que ambos tinham, por esta rúbrica.

A polémica, adesão muito significativa, até contestação e controvérsia, que esta rubrica está a provocar é a prova de que estamos no bom caminho.

Ficamos à vossa espera. Esperamos vir a mudá-lo(s) de opinião.
Vitor Vieira

Anónimo disse...

Mas porque motivo, neste e em outros blog's, os comentadores teimam em misturar, deturpar e mal tratar sistematicamente as boas práticas jornalísticas, deste ou daquele jornal? Porque razão se misturam direitos de opinião e/ou deveres/direitos políticos, com deveres jornalísticos (informar, ensinar e educar)? Alguém me pode explicar, como se fosse um miúdo de 10 anos? Porque motivo o jornalismo tem de levar sempre nas orelhas por tudo e por nada, à conta de posições, ideologias e teimosias politicas de outros? Será que não há ninguém, lúcido o suficiente para saber separar as águas? Será que já não era tempo de se saber distinguir o bom trabalho e a dedicação de determinadas pessoas (jornalistas ou não), do resto dos papagaios que por ai andam sem estudos, sem formação e sem critérios nenhuns, e que se auto proclamam jornalistas e directores informativos? Não é justo ler e ouvir por ai tamanhas críticas e ver o bom trabalho de determinadas pessoas julgado de forma tão fria. Enfim... sintomático da nossa "pequenez".

Daniel Geraldes disse...

Uma boa forma de gastar os 4 mil euros, era o executivo criar Bolsas de Estudo para os melhores alunos do Concelho que queiram frequentar o Ensino Superior, isso sim era um bom investimento e um investimento no futuro dos cerca de 30 mil jovens que residem no Seixal.

Anónimo disse...

Este cremesse cada vez está pior, quatro mil euros para apoiar bolsas de estudo a trinta mil jovens... sabes quanto é que dava a cada um? Se o ridiculo matasse onde estaria o cremesse?

Jorge Pieta disse...

Passar o Boletim Municipal de quinzenal para mensal.

Vasco Pereira disse...

Caro Anónimo (23 de Outubro de 2008 11:24),

Mais vale pouco, mas haver esforço e vontade do que nada e nenhuma vontade de ajudar os jovens.

Se seguíssemos pensamentos como o seu, nada se fazia em Portugal, pois as verbas são sempre pequenas.

Saudações

Anónimo disse...

A Câmara do Seixal concede bolsas de estudo a alguns funcionários da Câmara para irem buscar o diploma à Cooperativa de ensino do Laranjeiro pela mesma ordem de ideias porque não dá bolsa a todos os trabalhadores?

Filipe de Arede Nunes disse...

A JSD Seixal lança hoje um novo projecto: a JSD Seixal TV.

Veja tudo em: www.juventudeseixal.blogspot.com

Cumprimentos,
Filipe de Arede Nunes

Anónimo disse...

Cooperativa de ensino do Laranjeiro / investiguem bem que aqui há gato.