quarta-feira, fevereiro 16, 2011

Notícias do Seixal "Levante-se o Réu"



7 comentários:

Anónimo disse...

Não foi este o Chora de FErnao Ferro que fez de chacota no Gato Fedorento?? Se sim, esquece pois ele até pode ler os jornais mas mais do que isso não consegue.

Anónimo disse...

Qual é a diferença entre esta noticia e a que saiu sobre o cafezinho do vereador? E a semelhança?

Anónimo disse...

mas que atenção ás noticias do Obama!!
não quererá também falar do jornal onde aparece o presidente mas que nem acerta nem nas datas??
não pode não é?

Anónimo disse...

Depois não digam que sou só eu a achar.

Dê uma olhadela aos blogs
www.gazetadopinhal.blogspot.com
www.viverpinhaldogeneral.blogspot.com

A saga das mentiras continua.

Sabem que podem contar comigo.

Miguel Serrano disse...

Este Reis de Fernão Ferro gosta de incendiar as hostes. Não passa de uma víbora venenosa. Fala mal de tudo e todos e quando o carrossel retorna á casa da partida lá está o americano com beijos e abraços.
O seu veneno já atingiu o ratinho Gil, o tubarão Sardinha e a formiga que Chora. Quanto ao Tubarão é uma questão de raiva e de ajuste pessoal mas com o rato passou de amor a ódio e agora voltaram a estar enamorados. Que vergonha nojenta que este triste e ou i ou talvez eimigrante faz passar.
Volto a dizer

Anónimo disse...

Levanta-se o réu (parte II)

Ao contrario do Senhor Vereador Paulo Cunha, a Assembleia Municipal do Seixal para mim não é, nem tão pouco se assemelha a um programa de humor televisivo.
Sou deputado municipal e membro da Comissão de Protecção Civil. O meu nome José Carlos Chora, tem sido a minha identidade sempre. Nunca senti a necessidade de recorrer à colagem de outras personalidades.
Sei que não é o Sr. Vereador que convoca as reuniões da Comissão mas sim, a Presidente da mesma, que por sinal é do seu partido. Também sei que o Senhor, se quiser e achar relevante, pode sugerir as mesmas, sempre que considere que haja interesse que a mesma reúna.
Os dois eventos a que o Senhor se refere e passo a citá-lo “em Dezembro todos os membros da Comissão foram convidados para participar em dois eventos de enorme importância (...)”. Tal como disse, ou melhor escreveu, se tais eventos eram de tamanha importância, e de facto eram, porque não sugeriu à Presidente da Comissão da Protecção Civil uma reunião?
Acusa-me de não ter comparecido a qualquer dos eventos e de não ter justificado a minha ausência. Ora, não poderei justificar a minha falta a um convite que não recebi ou de eventos que desconhecia. Tomei apenas conhecimento à posteriori através da pena do “Sr. Jornalista” Paulo Cunha.
Regista com muito agrado que eu acompanho o seu trabalho na comunicação social. É verdade. Porque infelizmente só lendo as crónicas do “Sr. Jornalista” é que adquiro conhecimento do trabalho da Vereação da Protecção Civil, responsabilidade do Sr. Vereador Paulo Cunha.
Amigo Paulo Cunha, tem razão. Sou conhecido por ser um homem justo, e por ser verdade, como bem sabe, não posso corroborar o que o Senhor escreveu.


José Carlos Chora
(Deputado Municipal do Seixal
Membro da Comissão Politica do Seixal
publicado no blog Rumo a bombordo

Anónimo disse...

Dr. Paulo Cunha permita-me dois comentários, dizendo desde já que nenhum motivo político me leva a escrever estas palavras, antes o nojo que certa gentinha me provoca. A nenhum dos que me dirijo conheço pessoalmente o que me dá ainda mais direito de o fazer.

Ao "miguel" ressequido por demasiada energia solar no cérebro, que vem fazer comentários descabidos contra pessoas que nem aqui aparecem, mas só desta forma ou travestido de outros animais que para aí chafurdam, mostra o feio focinho da inveja.

Ao choramingas que com um texto como aquele que assina só demonstra o mesmo a inveja de ver alguém como o Dr. Paulo Cunha nas bocas do mundo através da comunicação social. E mais grave ainda porque sendo politicos, ou assim o dizem ser, só aparecem quando as eleições estão á porta, porque durante o resto do tempo a preguiça comanda estes "eleitos".
É mais cómodo ver o futebol no sofá com uma cerveja do que fazer oposição directa ou escrever em jornais, e por isso o ressabiamento contra o Sr. Jornalista.
É que a má-lingua é a única arma dos invejosos.
Tenho dito.